sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Ajuda ao próximo:


Fazer trabalho voluntário enriquece o currículo.

Você já fez algum trabalho voluntário? Se sim, saiba que você pode ter mais chances no mercado de trabalho do que quem nunca viveu essa experiência. Segundo a AIESEC, uma organização global para o desenvolvimento do potencial jovem, ter participado de uma ação voluntária de impacto para sociedade é considerado um grande diferencial no currículo por grande parte das empresas.

Veja, então, o que o trabalho voluntário pode proporcionar em benefício à sua vida profissional:

Entendimento do outro: Ao se deparar com os problemas alheios e atuar em função de melhorar determinadas circunstâncias, você ganha uma habilidade essencial para saber liderar equipes: olhar diversas situações sob a ótica do outro. Poucas pessoas conseguem analisar uma situação levando em consideração a diversidade de opiniões, hábitos e culturas. Por isso, com o trabalho voluntário, você desenvolve a capacidade de trabalhar em equipe.

Jogo de cintura: A maioria dos projetos sociais conta com recursos escassos. Por isso, é preciso “fazer muito com pouco”. Desse modo, você aprende a reduzir custos e evitar desperdícios e isso é um ótimo exercício para estimular a criatividade. Esse jogo de cintura te deixa também mais preparado para enfrentar as pressões do mercado de trabalho.

Visão de mundo: Ao se envolver com uma causa, você se torna mais engajado em resolver problemas da sociedade, se interessa mais por política e fica informado sobre seus direitos. O seu raciocínio transita bem entre o local e o global, pois você consegue visualizar ações nas diferentes escalas para a causa em que está trabalhando.

Valores importantes: Quem faz trabalho voluntário, geralmente, desenvolve características baseadas em valores muito requisitados pelas empresas, tais como: ética, solidariedade, responsabilidade, respeito ao próximo, comprometimento e tolerância.

Boa saúde: Estudos apontam que ajudar ao próximo traz benefícios ao coração, faz bem ao sistema imunológico, além de aumentar a expectativa de vida. No campo psicológico, o trabalho voluntário contribuiu para dar um sentido a vida. E isso também pode ser considerado pelo contratante, uma vez que equilíbrio emocional é uma condição cada vez mais valorizada no mercado de trabalho.  

Gostou? Compartilhe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Já Visitaram:

Receba por Email